Deus criou o ser humano para ser feliz!          

Nossos Fundadores
Madre Henriqueta
Orações

Devoções

Símbolos
Datas
Celebrativas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Irmãs de Santa Ana:
Quem são Elas ???

As Irmãs de Santa Ana são chamadas por Deus para viver a consagração sendo sinal de Deus Providente e Misericordioso no mundo, continuando o sonho de Carlos e Júlia, um casal voltado para a realidade do seu tempo. Os Fundadores reconheciam a preciosidade da pessoa humana criada a imagem e semelhança da Santíssima Trindade e ficavam inquietos ao ver o rosto de Deus desfigurado nas crianças e na juventude empobrecida, certos de que Ele “não quer perder a obra saída das suas mãos”.

Hoje nós Irmãs vivenciamos uma vida de oração traduzida em ação a serviço do povo de Deus, concretizando nossa missão educativa nas Pastorais nas Paróquias, Creches, Projetos sociais com crianças adolescenstes e jovens, no meio popular... etc...

SAVISA - Serviço de Animação Vocacional
Antes de entrar a jovem é acompanhada pela equipe vocacional por meio de cartas, visitas em famílias, encontros vocacionais, proporcionando momentos de convivências. Estas são oportunidades para a jovem estar e conhecer a vida das Irmãs de Santa Ana e as Irmãs a conhecerem. Este é um momento de discernimento e conhecimento da Congregação. A Vida Religiosa é baseada num pleno seguimento à Cristo e sua missão, neste momento o acompanhamento da jovem vocacionada visa alguns aspectos a serem avaliados, pois para um acompanhamento é necessário:
• Pré-disposição e interesse para o acompanhamento vocacional;
• Idade (mínina de 15 anos) escolaridade (estar cursando o ensino médio) casos específicos a serem avaliados;
• Saúde e equilíbrio físico, psíquico e mental segundo a idade;
• Senso de responsabilidade segundo a idade;
• Disposição para trabalhar na comunidade ou em trabalhos voluntários;
• Engajamento na comunidade eclesial;
• Disposição para a vivência grupal. Acompanhada pelas animadoras vocacionais a jovem fará um processo de discernimento na sua vocação.
Aspirantado
Esta fase a jovem está aspirando à vida religiosa, fazendo uma experiência interna na comunidade. Enquanto estuda suas aspirações mais profundas e suas capacidades, adentra mais no conhecimento da própria Congregação, vivendo em comunidade proporcionando um momento de conhecimento de si e da realidade.

A jovem aspirante fazendo experiência de vida comunitária e convívio com as irmãs, tem a oportunidade de um crescimento humano-psicológico-espiritual para melhor discernir mediante sólidas motivações. Para ingressar no aspirandato a jovem dever ter:
• Idade mínina (16 anos);
• Estar terminando o ensino médio (outros casos a serem avaliados individualmente);
• Ter ao menos um ano de acompanhamento vocacional;
• Expressar desejo de seguir Jesus Cristo na Vida Religiosa, na Congregação das Irmãs de Santa Ana, apresentando motivações suficientes;
• Ter saúde e equilíbrio físico, psíquico e espiritual segundo a idade;
• Ser considerada apta pelas animadoras vocacionais e comunidade local/paroquial;
• Disposição para vivência grupal.
 

Neste período a jovem está em experiência vocacional junto à comunidade formadora, portanto ela ainda está aspirando à vida religiosa, mas também fazendo-se responsável pelo seu próprio caminho de crescimento juntamente com a Irmã acompanhante.

Postulantado
Passando a fase do Aspirantado a jovem motivada de seguir a Cristo nesta Congregação ela inicia a formação no Postulantado sendo este um período que precede o noviciado. Nesta fase continuando e esclarecendo sempre mais as motivações e crescendo numa maturidade necessária a jovem postulante faz uma escolha livre e responsável, dando continuidade a formação humano-psicológico-espiritual. Nesta etapa a jovem inicia as noções de Filosofia, Teologia e a História da Congregação. A jovem postulante deve ser responsável pelo seu processo de crescimento formativo junto à Irmã que a acompanha e ter uma vivência orante que desabrocha na vivência comunitária e apostólica.
Noviciado
Nesta fase a jovem querendo sempre mais configurar-se a Cristo e aderir à sua missão nesta Família Religiosa inicia o Noviciado. Este período propõe-se introduzir a jovem noviça que deseja consagrar-se a Deus ao conhecimento e à prática da Vida Consagrada da Irmã de Santa Ana, aprofundando a Vida de Oração e Consagração para um seguimento consciente e maduro de Jesus Cristo e de compromisso com o seu Projeto. Aqui o acompanhamento é mais personalizado, aprofundando sempre mais a vida de oração e consagração para um compromisso maior em preparação à Consagração e a vivência dos Conselhos Evangélicos. A Noviça continua os estudos Religiosos e de conhecimento da Congregação. Num segundo momento a jovem noviça também será introduzida a um estágio nas comunidades apostólicas, fazendo a experiência de ser ela mesma responsável pela missão.

Juniorato

Depois de um longo processo de caminhada de estudos e motivações sobre a Vida Religiosa, a jovem emite seus primeiros Votos: Castidade, Pobreza e Obediência comprometendo diante da Igreja e da Congregação de viver no Seguimento a Cristo e de viver na vida Fraterna em Comunidade. Os Votos são anualmente renovados num período de 6 anos aos Votos Perpétuos. É um período do curso de formação que decorre entre a primeira profissão dos Votos temporários e a profissão perpétua.

É composto por duas etapas. Na primeira as junioras permanecem na casa de formação, completando os cursos já iniciados, numa dupla experiência de vida comunitária e apostólica, amadurecendo sempre mais as motivações vocacionais. Na segunda etapa as junioras atuam diretamente nas diversas comunidades inseridas do Instituto, num processo de amadurecimento contínuo do compromisso da Consagração a Deus e ao Reino.

Formação Contínua

A jovem irmã depois de toda preparação durante os anos iniciais de formação selará com o Senhor uma aliança de Amor e Serviço emitindo os Votos perpétuos de Castidade, Pobreza e Obediência. Mas encerrou a caminhada ??? A Irmã de Santa Ana, servindo a Deus na Igreja, sabe que seu processo formativo da Vida Religiosa é contínuo, pois a cada dia é chamada a renovar suas primeiras motivações da adesão à Cristo e “reavivar o Dom depositado em cada uma”.
A cada novo dia Deus continua a chamar e a modelar a Irmã para ser melhor, para ser mais Santa, ser mais comprometida com a construção do seu Reino.Para que isto aconteça é necessário abertura a cada provocação e ação divina. Deus continua chamando e falando: na Palavra, na realidade, através da Comunidade, da Igreja, das pessoas que se encontram... A Vida Religiosa requer pessoas preparadas e convictas de sua própria vocação para serem no meio do povo de Deus “profetisas” e “anunciadoras” de Deus Providente e Misericordioso, sendo sinais vivos de Esperança, em especial no meio das crianças, adolescentes e jovens e nas realidades em que necessitam da nossa presença.
Na fundação os nossos Fundadores Carlos e Júlia delineiam pouco a pouco uma Fisionomia própria para cada irmã. Que elas sejam:

• Que sejam Irmãs da Caridade e da Providência;
• Que não sejam irmãs de clausura, mas abertas à missão;
• Irmãs do povo;
• Abertas aos “bairros”;
• Abertas aos pobres;
• “Modernas”;
• Interiorize uma sólida espiritualidade, através das obras todos possam ler a dimensão à qual são chamadas;
• Devem ser bem formadas-conscientes porque são expostas aos perigos do mundo.

ESTA METADE DA HISTÓRIA ESTÁ FEITA!
E A OUTRA?
DEPENDE DE VOCÊ!
VENHA JUNTAR-SE A ESSE
GRANDE MUTIRÃO NA CONSTRUÇÃO DA VIDA RELIGIOSA.
VISITE OU ESCREVA-NOS!

Irmãs de Santa Ana • Todos os Direitos Reservados
Rua Sant'Anna, 186• Bairro Nadir Kenan • Barretos - SP
Fones: (17) 3322-4593 * Webdesign: Irmã Márcia Regina